11 de maio de 2010

Campanha internacional coleta assinaturas contra tráfico de pessoas na Copa 2010


By Tatiana Félix*

Diversos países já aderiram à campanha "Entre no jogo limpo", promovida pelas irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor, através da Rede Internacional de Gênero e Solidariedade (RIGyS). A iniciativa tem por objetivo alertar os organizadores da Copa do Mundo de Futebol 2010 e os torcedores que acompanharão os jogos na África do Sul, sobre o aumento dos casos de tráfico de pessoas em eventos esportivos mundiais. A Copa do Mundo deste ano será realizada entre os dias 11 de junho e 11 de julho na África do Sul, país do continente africano. O momento é de comemoração para os africanos, já que essa é a primeira vez que a África sedia a Copa.

Com a campanha no ar há três semanas, a irmã oblata Roseli do Prado, disse que países como Argentina, México, Venezuela, Brasil, Colômbia, Chile, Equador, Espanha, Itália, Estados Unidos, Inglaterra, Peru, Portugal, França, Porto Rico, Uruguai e Angola, já aderiram à causa.

Segundo ela, as assinaturas coletadas serão enviadas aos dirigentes da Federação Internacional das Associações de Futebol (FIFA), no dia 25 de maio com o intuito de sensibilizar os organizadores da Copa do Mundo de Futebol para os perigos do tráfico.

De acordo com as entidades que atuam na prevenção e combate ao tráfico de seres humanos, a preocupação que este crime ocorra durante a Copa se justifica devido à grande concentração de pessoas, dos mais diversos países e continentes, facilitando a ação dos aliciadores e traficantes, que atuariam mais disfarçada e livremente na busca de novas vítimas.

Vale ressaltar que são as mulheres os grandes alvos da rede do tráfico de pessoas. Depois de aliciadas, elas são exploradas à exaustão para gerarem lucro ao mercado sexual. Na África do Sul a prostituição não é legalizada. Irmã Roseli lembrou que no dia 16 de março a África do Sul promulgou uma lei de combate ao tráfico de pessoas.

Para participar da campanha, qualquer pessoa que se sensibilize e queira auxiliar no combate ao tráfico humano, um crime que faz milhares de vítimas ao redor do mundo, pode assinar a ficha virtual através do link: http://www.rigys.org/por_campa.html.

A religiosa ressaltou que em poucos dias as pessoas interessadas na Campanha Entre no Jogo Limpo poderão conferir também no site os spots que estão sendo produzidos para esclarecer sobre a proposta.

Mais informações pelo site das irmãs oblatas: www.oblatas.org.br.

http://www.adital.com.br/hotsite_trafico/noticia.asp?lang=PT&cod=47402


sds, Leide Manuela Santos Winrock Internacional do Brasil
lsantos@winrock.org.br
(71) 32480701/99029583